Última atualização: 25 de setembro de 2017

Congresso internacional

Atualidade da Reforma

 

Recife​, Brasil

 

8, 9 e 10 de novembro de 2017
Finalidade do Congresso

O Congresso Atualidade da Reforma, fruto do Projeto internacional da pesquisa histórico-religiosa A Herança da Reforma: ler e reler a Reforma, passados 500 anos de seu início, iniciativa conjunta dos Programas de Pós-graduação em Ciências da Religião e em Teologia, da Universidade Católica de Pernambuco, e do Centro de Estudos para o Ecumenismo na Itália (Centro Studi per l'Ecumenismo in Italia), tem como finalidade suscitar a produção de conhecimento científico, a partir da colaboração de instituições universitárias públicas e privadas, brasileiras e europeias, e de seus pesquisadores, ligados às mais variadas tradições e que, fiéis ao espírito do diálogo, buscam responder à pergunta “Passados 500 anos de seu início - que teve lugar no contexto do século XVI europeu -, qual a herança da Reforma, em nosso mundo globalizado, no qual novos imperativos éticos e desafios sociopolítico-religiosos nos convocam à colaboração, ao reconhecimento mútuo, à valorização do diálogo e à renúncia de projetos de hegemonia no campo religioso?”.

 

Depois do Colloquio internazionale Rileggere la Riforma, acontecido em Florença, entre 20 e 22 de fevereiro próximo passado, nosso Congresso está centrado na terceira fase das investigações e estudos propostos há mais de um ano: o que a Reforma diz ao século XXI, com especial atenção para certas questões, como a liberdade religiosa, a autoridade da Bíblia, a dialética Reforma-Revolução, a relação entre as múltiplas leituras da Reforma e o movimento ecumênico contemporâneo, as propostas éticas da Reforma na sociedade contemporânea?

 

Isso porque esses temas são elementos essenciais para a vida quotidiana não só das comunidades cristãs, mas para o debate animado sobre a reconsideração de uma sociedade em que o reforço das dimensões inter-religiosa e intercultural só pode ser realizado na plena compreensão da pluralidade de identidades que são parte do patrimônio teológico e cultural da Reforma do século XVI e de seu legado.

 

© 2016 por LCLM. Criado com Wix.com